Taxas Mobiliárias para empresas de São Paulo

Taxas Mobiliárias para empresas de São Paulo

Você sabia que existem algumas taxas mobiliárias que todos empresários precisam estar cientes e levar em consideração na hora de fazer seu planejamento financeiro anual? Não? Calma! Não precisa ficar desesperado, a gente vai explicar tudo direitinho para que você não se esqueça de nada! 😉

Estas taxas são relacionadas a ocupação do espaço urbano e levam em consideração a localização, instalação e funcionamento da sua empresa. São determinadas por leis municipais, por isso seus valores, e até mesmo sua existência, variam de cidade para cidade.

Se sua microempresa estiver registrada em São Paulo, as duas principais taxas que você precisará ficar atento são a TFE e a TFA.

Vamos a explicação de cada uma delas:

TFE – Taxa de Fiscalização de Estabelecimento

Destinada a todos os tipos e portes de empresas, com exceção do MEI. Seu pagamento anual é programado para todo o dia 10 de julho.

O valor varia de acordo com a atividade exercida pela empresa e com a quantidade de funcionários. Para os prestadores de serviços sem funcionários, em 2018, o valor está fixado em R$156,95.

Você pode consultar se existe alguma pendência e realizar o pagamento diretamente pelo site da Prefeitura de São Paulo.

TFA – Taxa de Fiscalização de Anúncios

Taxa destinada às empresas que veiculam anúncios, em vias ou em locais de acesso ao público como, por exemplo, anúncios luminosos, outdoor, etc. Se esse não for o seu caso, nem precisa se preocupar. Aqui, por tratar de anúncios físicos, o valor varia de acordo com o tipo, tamanho e período em que o anúncio ficou exposto.

Neste caso, a regra também se aplica para as empresas de todos os tipos e portes, com exceção dos MEIs que ficam isentos. Para saber mais sobre valores e até mesmo de sua empresa precisará pagar essa taxa, consulte o site da Prefeitura de São Paulo

Lembrando que estas informações são válidas para as empresas registradas na cidade de São Paulo, se a sua estiver cadastrada em outro município, a recomendação é que você procure a prefeitura da sua cidade e se informe melhor.

Ainda está com dúvidas? Entre em contato com o King Kont que nós iremos te ajudar!

 

Deixe uma resposta